Exército de Ladrões | Como o longa se conecta com o primeiro filme da franquia

Exército de Ladrões | Como o longa se conecta com o primeiro filme da franquia

Embora, Exército de Ladrões exista como um prequel um tanto separado de Army of the Dead, existem alguns elementos-chave do primeiro que ajudam a configurar o último filme de zumbis, ao mesmo tempo que confirmam sua existência compartilhada no mesmo universo em que Nevada foi invadido pelos infectados. Dirigido e estrelado por Matthias Schweighöfer, Army of Thieves apresenta Ludwig Dieter antes dele se juntar à equipe de Scott Ward (Dave Bautista) para se infiltrar, em Las Vegas, como seu arrombador de cofres.

Antes do trabalho em Las Vegas, para invadir um dos cofres mais seguros do mundo e roubar 200 milhões de dólares, Sebastian Schlencht-Wöhnert era um simples entusiasta de arrombamento de cofres, sem antecedentes criminais. No entanto, seu recrutamento por um ladra-mestre, conhecida como Gwendoline (Nathalie Emmanuel), o levou a uma aventura que colocou suas habilidades em teste, permitindo-lhe adquirir experiência de aplicação prática ao tentar quebrar cada cofre do Ciclo do Anel, uma coleção de cofres criados pelo lendário serralheiro Hans Wagner. Tudo isso ocorreu em meio ao cenário apocalíptico de um surto de zumbis, em Las Vegas.

Apesar deste filme ver o mundo um tanto distraído com o que está acontecendo em Las Vegas, a conexão com o primeiro é mínima, e as conexões que existem são amplamente focadas no próprio futuro de Ludwig Dieter. Acompanhe as principais conexões abaixo:

Army of Thieves mostra zumbis na TV (e nos sonhos)

No início de Army of Thieves, Sebastian Schlencht-Wöhnert vive uma vida rotineira, enquanto posta vídeos de seu passatempo sobre arrombamentos de cofres no Youtube. No entanto, enquanto trabalhava em um caixa de banco, ele fica sabendo do vírus zumbi na América. Embora isso tenha pouco efeito em sua vida diária na Alemanha, Sebastian não parou de ter pesadelos com zumbis o atacando. À medida que o filme avança, os zumbis em Nevada também aparecem algumas vezes em várias reportagens na televisão.

Exército de Ladrões revela história de fundo do cofre

Os cofres em questão, são revelados como sendo criação de Hans Wagner, incluindo aquele apresentado em Army of the Dead, conhecido como Götterdämmerung. Conhecidos como o “Ciclo do Anel”, esses quatro cofres foram as criações finais do serralheiro alemão Hasn Wagner, que modelou com base nas obras de seu homônimo Richard Wagner e sua ópera Der Ring des Nibelungen. No entanto, apenas os locais de Rheingold, The Valkyrie e The Siegfried são confirmados e procurados pela tripulação em Army of Thieves, deixando o suposto quarto cofre, Götterdämmerung, para ser arrombado por Dieter, em Army of the Dead.

O filme prequel também revela que todos os quatro cofres são propriedade de Bly Tanaka, o homem que contratou a tripulação de Scott Ward, em Army of the Dead. Embora seu objetivo secreto fosse garantir que a cabeça do alfa zumbi fosse transformada em arma pelo governo dos Estados Unidos, é interessante que ele possuía todo o Ciclo do Anel, servindo como um testamento de sua vasta riqueza e poder, ao mesmo tempo em que prova que não se importava em garantir os 200 milhões de dólares. Além disso, a existência do Ciclo do Anel, com Sebastian já tendo arrombado os três primeiros, explica porque ele foi tão rápido em se juntar ao time de Ward. Em vez de estar interessado no dinheiro, Sebastian estava motivado a terminar sua missão, como prometeu a Gwendoline que faria antes que ela fosse presa.

Exército de Ladrões dá a Dieter seu nome em Army of the Dead

Army of Thieves também dá a Sebastian o nome que ele usa em Army of the Dead: Ludwig Dieter. Como ele revelou em um momento mais íntimo com Gwendoline, Sebastian tinha inventado o nome quando criança, imaginando-se como um super-herói arrombador de cofres que usava este nome, ao invés do seu verdadeiro. Essencialmente, o nome era um alter ego, existindo como uma representação do “eu” mais confiante de Sebastian.

No entanto, depois que Sebastian consegue escapar das autoridades, após a prisão de Gwen e o resto da equipe, ele descobre passaportes e passagens que Gwendoline havia conseguido para que pudessem escapar para a América a procura do cofre Götterdämmerung, e vê que seu passaporte tinha o nome Ludwig Dieter. Gwendoline foi a responsável por tornar o novo apelido de Sebastian, usado em Army of the Dead.

Army of Thieves termina com a cena em que Scott Ward e Maria Cruz recrutam Dieter para a equipe de assalto. Mas, agora traz uma luz totalmente nova, os espectadores estão cientes das motivações emocionais por trás do nome de Dieter e sua busca para encontrar o último cofre do Ciclo do Anel.

Army of Thieves pode não ter tantas ligações com Army of the Dead, mas confira o personagem Ludwig Dieter, de Matthias Schweighöfer, muito mais interessante do que ele já era, fornecendo uma história de fundo dinâmica.

Via: Screenrant

Andre Guilherme

É Andre, sem acento mesmo. Um viajante do Multiverso com Q.I elevado para Legos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.