Do Universo DC à Netflix, Zack e Deborah Snyder estão construindo seu próprio mundo cinematográfico

Do Universo DC à Netflix, Zack e Deborah Snyder estão construindo seu próprio mundo cinematográfico

Casais da vida real trabalhando juntos em projetos de Hollywood podem não ser novidade, mas quantos podem dizer com segurança que criaram alguns dos maiores filmes de sucesso da história moderna? Bem, Zack Snyder e Deborah Snyder podem.

Casados a 17 anos, esses parceiros produtores de sucesso conquistaram vários filmes do DC Universe, incluindo a tão esperada versão Snyder Cut de Liga da Justiça, que estreou em março deste ano, na HBO Max.

Em julho, essa dupla apaixonada decidiu se juntar à Netflix em um primeiro contrato de dois anos com a produtora The Stone Quarry. O acordo surgiu após o sucesso de seu filme original da Netflix, Army of the Dead, com o mundo cinematográfico se expandindo rapidamente com um novo filme prequel, que será lançado amanhã na plataforma, Exército de Ladrões: Invasão na Europa (Army of Thieves). Sua próxima aventura de ficção científica, Rebel Moon, também está em obras pela Netflix, cuja filmagem começará em 2022. Em entrevista à Forbes, Zack expressou sua empolgação: “É tão gigantesco, o mundo se construindo e toda a história de fundo gigante que que temos nele é simplesmente insano”.

Deborah: A Netflix tem apoiado muito. Que outro estúdio antes de um filme sair daria luz verde a dois outros projetos em algo que é um IP original (Propriedade Intelectual)? Tendo aprendido e crescido dentro de um estúdio tradicional, existe uma maneira definida de fazer as coisas. Não há muitos riscos assumidos. Eles querem uma aposta certa. Mesmo Army of the Dead, tentamos ser feitos por cerca de 10 anos. O que a Netflix em particular permite é que eles estão se arriscando nas coisas. Eles estão fazendo as coisas de uma forma ousada e acho que sempre tentamos ultrapassar os limites, por isso tem sido bom ter essa parceria.
Zack: Apenas o relacionamento que tivemos com eles em Army of the Dead, e como eles apoiaram esse IP original é louco, apostando os dados em um universo inteiro que ninguém nunca ouviu do. É um crédito para eles que o filme tenha sido um sucesso incrível no serviço e continuamos apoiando com esse conteúdo adicional. Para nós, é uma ótima casa e eles são simplesmente fantásticos.

Assim como o novo filme Exército de Ladrões é uma história de origem cativante do personagem Dieter, a origem da história de amor na vida real entre Zack e Deborah também vale a pena ser contada.

Deborah: Nos conhecemos nos anos 90. Eu era uma produtora de uma agência e o contratei para fazer um comercial da Lady Foot Locker Reebok. Então, anos depois, no início dos anos 2000, nos reencontramos quando o contratei para fazer um comercial de desodorante na Nova Zelândia. Naquela época, os orçamentos eram muito grandes, então ficamos lá por umas três semanas e meia e houve algumas faíscas (risos). Nós meio que começamos a namorar logo depois disso. Ele tinha acabado de receber Madrugada dos Mortos, é o único filme em que não trabalhei oficialmente, mas sempre digo que todo mundo ficava tipo: ‘Quem é essa garota na sala de edição com todas essas opiniões?’. Eles deviam ficar: ‘Quem é você?’.
Zack: Certamente houve algumas faíscas. Pode não ser profissional, mas houve algumas faíscas e uma coisa levou à outra.

“Divertida exibição de Army of the Dead na noite passada, em Hollywood”

A dupla também falou sobre os prós e contras em ser um casal que costuma trabalhar lado-a-lado. A pergunta foi feita para cada um separadamente, e suas respostas semelhantes não poderiam ser mais alinhadas.

Zack sobre Deborah: Bem, os prós, é claro, que sempre temos um ao outro e você ter alguém em quem você confia 100% é ótimo, ainda mais nesse cenário maluco que nem sempre é super apoiador (risos).
Sem saber da resposta de Zack, Deborah disse: Acho que o melhor é que podemos fazer isso juntos e ter a proteção um do outro.

Em relação aos fatores contra, Deborah diz que as viagens em diferentes partes do mundo, às vezes pode ser um revés, por ficar distante da família, então como ambos trabalham juntos, muitas vezes pegam a família inteira, e se mudam juntos. Zack admite que eles estão sempre trabalhando, mesmo fora do horário, as conversas sobre planejamento muitas vezes se encontram no momento de lazer, principalmente  a medida que o número de cineasta em sua família aumenta, comparando-os como uma família de circo.

Via: Forbes

Andre Guilherme

É Andre, sem acento mesmo. Um viajante do Multiverso com Q.I elevado para Legos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.