Por que Zack Snyder não dirigiu o Exército de Ladrões?

Por que Zack Snyder não dirigiu o Exército de Ladrões?

Exército de Ladrões: Invasão da Europa (Army of Thieves) é o segundo filme a ser lançado da Franquia Army, na Netflix, mas ao contrário do primeiro Army of the Dead, não é dirigido por Zack Snyder. Em vez disso, Matthias Schweighöfer assumiu o comando do prequel, na qual ele estrela como o alemão, arrombador de cofres, Dieter.

Não é a primeira vez que Snyder produz um spin-off de um de seus filmes e dá as rédeas a outro diretor. Em 2014, Noam Murro dirigiu o prequel de 300, intitulado 300: A Ascensão do Império. E Patty Jenkins dirigiu Mulher-Maravilha após Batman vs Superman: A Origem da Justiça. O acordo de Snyder com a Netflix não é apenas para ele dirigir filmes, mas também para sua produtora, The Stone Quarry, construir múltiplos universos compartilhados com uma variedade de programas e filmes como Army of the Dead, Rebel Moon e sua série animada de mitologia, Twilight of the Gods, então Army of Thieves não será o único filme que Snyder entregará a outro diretor.

Ironicamente, Army of the Dead em si foi originalmente planejado para outro diretor quando foi projetado para a Warner Bros. Matthijs van Heijningen Jr. foi originalmente contratado para dirigir um roteiro de Joby Harold, mas o projeto não deu certo e foi arquivado por vários anos, mas quando Snyder começou a falar com a Netflix, o streaming despertou muito interesse e foi redesenhado para Snyder dirigir. Quando se trata de Army of Thieves, Snyder originalmente imaginou uma série de spin-offs de Army of the Dead, e o prequel era para ser um filme mais em alemão. Durante a de Army of the Dead produção , ele viu o potencial do personagem de Matthias Schweighöfer, Dieter, e como Schweighöfer é um criador alemão talentoso, Snyder decidiu que seria perfeito para ele dirigir o projeto.

As mãos de Snyder estão mais do que ocupadas na Netflix com a sequência de Army of the Dead, intitulada Planet of the Dead, e agora ele também está prestes a iniciar a produção de um filme de ficção científica original, que fora no passado, desenvolvido pelo próprio para a franquia Star Wars de George Lucas, antes da Disney deter os direitos. Ele também está planejando um filme de orçamento superbaixo, Horse Latitudes, além de suas responsabilidades como produtor, então sua agenda está lotada.

Os filmes de Snyder na DC foram apelidados de “SnyderVerse”, mas o diretor agora diz que gosta de pensar em SnyderVerse como todas as suas futuras propriedades originais e com base em todos os projetos que ele tem em desenvolvimento, tanto como diretor quanto como produtor, o SnyderVerse na Netflix será enorme.

Outros diretores já estão a bordo para dirigir episódios de suas duas séries animadas na Netflix, Army of the Dead: Lost Vegas e Twilight of the Gods. Seu colaborador de longa data, Damon Caro, também tem seu próprio filme em desenvolvimento sob o selo Snyder’s Stone Quarry, então o SnyderVerse na gigante plataforma de streaming está prestes a explodir com Snyder e uma série de outros diretores desenvolvendo propriedades originais para o Netflix.

Via: ScreenRant

Andre Guilherme

É Andre, sem acento mesmo. Um viajante do Multiverso com Q.I elevado para Legos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.